📅 Atenção! Devido ao estado de calamidade pública, os prazos nos procedimentos do MPT-RS que vencerem neste período ficam prorrogados até 6/6, com exceção dos casos urgentes, relativos à calamidade pública, e os declarados pelo(a) membro(a) oficiante. Ademais, faculta-se ao(à) membro(a) oficiante a realização de audiências na modalidade telepresencial.


☎️ O atendimento ao público segue pelos canais online e, no horário de expediente, pelos seguintes telefones:

PRT Porto Alegre (51) 3252-1500
PTM Caxias do Sul (54) 3201-6000
PTM Novo Hamburgo (51) 3553-7250
PTM Passo Fundo (54) 3316-4300
PTM Pelotas (53) 3310-7700
PTM Santa Cruz do Sul (51) 3740-2550
PTM Santa Maria (55) 3174-1200
PTM Santo Ângelo (55) 3931-3300
PTM Uruguaiana (55) 3414-4800

⚠️ Recomendação nº 1/2024: emissão gratuita de atestados de exposição a enchentes
⚠️ Recomendação nº 2/2024: adoção de medidas trabalhistas alternativas e diálogo social

Prefeituras da Serra devem apresentar propostas de adequação de coleta de lixo até 30/6

Canela, Farroupilha, Gramado e São Francisco de Paula devem alterar legislação para garantir a segurança e saúde de trabalhadores do setor

     O Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Sul (MPT-RS) reuniu-se na quinta-feira (27) com representantes das Prefeituras de Canela, Farroupilha, Gramado e São Francisco de Paula para avançar na discussão de propostas de adequação legislativa e normativa dos Municípios, de modo a garantir a segurança e a saúde dos empregados das empresas de coleta de lixo municipal.

     Os Municípios puderam discutir com o procurador do Trabalho Ricardo Garcia os levantamentos feitos desde a última reunião, realizada há um mês. Eles devem apresentar propostas específicas já na próxima reunião, em 30/6. Também até lá devem consultar a viabilidade de realização de audiências públicas com suas comunidades.

     Algumas das ideias discutidas foram o estabelecimento expresso, nos editais de licitação dos serviços de coleta, de parâmetros mais humanitários na prestação do serviço, bem como aplicação de multas, por parte das Prefeituras, em casos de descumprimento; a regulamentação da fiscalização da execução integral do contrato; a adequação dos serviços ao Plano Nacional de Resíduos Sólidos; e a busca de meios que possibilitem uma coleta mais dinâmica e segura, como a reformatação das caixas coletoras, por exemplo.

     Os Municípios de Canela, Gramado e São Francisco de Paula são acionados pelo MPT em Caxias do Sul, junto com a Geral Transportes, por irregularidades de meio ambiente de trabalho. A ação encontra-se suspensa, a pedido do MPT, para que a regularização seja feita de modo extrajudicial. A Geral já firmou termo de ajuste de conduta (TAC), atualmente em acompanhamento pelo MPT. A próxima reunião deve acontecer em São Francisco de Paula, no dia 30/6.

Leia mais:

16/3/2017 - MPT se reúne com Prefeituras da região da Serra para adequar serviços de coleta de lixo
9/12/2016 - 
Empresa compromete-se a regularizar coleta de lixo de Bento Gonçalves
7/12/2016 - Interditado serviço da coleta de lixo em Bento Gonçalves
17/1/2016 - Empresa da coleta de lixo de Canela, Gramado e S. Francisco de Paula se compromete a cumprir legislação protetiva de empregados

Texto: Luis Nakajo (analista de Comunicação)
Fixo: (51) 3220-8328
Supervisão: Flávio Wornicov Portela (reg. prof. MT/RS 6132)
Fixo Oi (51) 3220-8327 | Móvel Claro (51) 99977-4286 com WhatsApp
prt4.ascom@mpt.mp.br | facebook.com/MPTnoRS | twitter.com/mpt_rs

Tags: Maio

Imprimir