📅 Atenção! Devido ao estado de calamidade pública, os prazos nos procedimentos do MPT-RS que vencerem neste período ficam prorrogados até 6/6, com exceção dos casos urgentes, relativos à calamidade pública, e os declarados pelo(a) membro(a) oficiante. Ademais, faculta-se ao(à) membro(a) oficiante a realização de audiências na modalidade telepresencial.


☎️ O atendimento ao público segue pelos canais online e, no horário de expediente, pelos seguintes telefones:

PRT Porto Alegre (51) 3252-1500
PTM Caxias do Sul (54) 3201-6000
PTM Novo Hamburgo (51) 3553-7250
PTM Passo Fundo (54) 3316-4300
PTM Pelotas (53) 3310-7700
PTM Santa Cruz do Sul (51) 3740-2550
PTM Santa Maria (55) 3174-1200
PTM Santo Ângelo (55) 3931-3300
PTM Uruguaiana (55) 3414-4800

⚠️ Recomendação nº 1/2024: emissão gratuita de atestados de exposição a enchentes
⚠️ Recomendação nº 2/2024: adoção de medidas trabalhistas alternativas e diálogo social

MPT flagra irregularidades em frigorífico de Paverama

Empresa foi comunicada de medidas emergenciais necessárias; audiência na próxima quinta-feira (23/7) define se solução passa por acordo ou judicialização do caso

Clique aqui para acessar álbum de fotos da inspeção, no Flickr.

     O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Santa Cruz do Sul realizou na manhã dessa quarta-feira (15/7) inspeção conjunta no frigorífico Paverama Ltda., em município de mesmo nome, localizado na região Centro-oriental do Estado, a 98 km de Porto Alegre. A ação foi realizada em parceria com o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado do Rio Grande do Sul (CREA-RS), com o Centro Regional de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) Vales, com a Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins (CNTA) e com a Fundação Jorge Duprat Figueiredo, de Segurança e Medicina do Trabalho (Fundacentro). Foram encontrados no frigorífico, de médio porte, riscos graves à segurança e à saúde dos 60 trabalhadores em atividade. Na planta, são abatidos em média, diariamente, 70 bovinos.

Entre os principais problemas encontrados estavam riscos ergonômicos
Entre os principais problemas encontrados estavam riscos ergonômicos

     Pela tarde, em reunião com a diretoria da empresa, o grupo de trabalho comunicou todas as irregularidades encontradas (veja a lista completa no fim do texto), entre elas riscos de queda, esmagamento, decepamento, ausência de controle de pausas e de rodízios, uso insuficiente de equipamentos de proteção individual (EPIs), além de insuficiência dos planos de gerenciamento de risco, que estavam em conflito com a realidade da empresa. Durante a reunião, o MPT entregou notificação indicando as irregularidades encontradas, as quais o frigorífico deve iniciar a solucionar de imediato. Também foi entregue notificação de audiência administrativa, a ser realizada em Santa Cruz do Sul na próxima quinta-feira (23/7), às 14h, quando será formalizado o ajustamento dos problemas encontrados na planta, por meio de termo de ajuste de conduta (TAC), ou de ajuizamento de ação civil pública (ACP), solicitando à Justiça do Trabalho que sentencie a empresa a cumprir o disposto na legislação.

Clique aqui para ver cópia da notificação entregue ao frigorífico.

Procurador Bernardo avalia serra de corte
Procurador Bernardo avalia serra de corte

     De acordo com o procurador do Trabalho Bernardo Mata Schuch, responsável pelo inquérito civil instruído pela inspeção e que presidirá a audiência, a união de conhecimentos especializados dos órgãos parceiros é fundamental para resolver os problemas encontrados no frigorífico. “A atuação integrada de todos os órgãos parceiros tem sido fundamental para o correto mapeamento de todos os riscos envolvidos nas plantas dos frigoríficos, inclusive para a correção emergencial e eficiente destas irregularidades”, explica ele.

Integrantes

     O grupo de trabalho contou com 8 integrantes. Participou, além do procurador Bernardo, a fisioterapeuta da CNTA, Carine Taís Guagnini Benedet (de Caxias do Sul). Do Cerest Vales, participaram Adriana Skamvetsakis (médica), Luiz Henrique Paim da Rocha (técnico de segurança do Trabalho) e Rosemari Santi Boéssio (fisioterapeuta). Do CREA-RS, participaram Alessandra Maria Borges, supervisora da regional 2, e Pedro Estevam Ost, agente fiscal (lotado em Montenegro). Da Fundacentro, participou a tecnologista Maria Muccillo, representante da bancada do governo na Comissão Nacional Técnico Temática (CNTT) da Norma Regulamentadora (NR) nº 36, voltada ao setor frigorífico. Todos os órgãos elaborarão relatórios, dentro de sua área de atuação, que subsidiarão a ação do MPT no caso, já a partir da audiência da próxima quinta-feira.

Vista aérea do frigorífico, localizado no bairro Nova Esperança, em Paverama
Vista aérea do frigorífico, localizado no bairro Nova Esperança, em Paverama

Lista de irregularidades encontradas na planta de Paverama:

a) risco de quedas de plataforma com mais de 3m, sem linha de vida;
b) risco de esmagamento nas plataformas em razão do ambiente apertado com sobreposição de tarefas/funções;
c) risco de quedas em razão do piso escorregadio e sem proteção apropriada e sem gradil/guarda-corpo adequados no abatedouro
d) equipamentos de proteção individual (EPIs) incompletos (botas com pouca numeração, ausência de jaquetas térmicas, falta de avental de proteção metálico para os cortadores de peça)
e) ausência de controle sobre as pausas obrigatórias (documentos assinados em branco)
f) organização insuficiente da produção (setor inteiro comandado por único trabalhador)
g) rodízio de funções sem o devido treinamento
h) serras-fita desprotegidas (NR-12)
i) porta da câmara frigorífica sem qualquer segurança
j) registros de trabalho inconsistentes
k) terceirização do setor de paletização
l) inexistência de ergonomia (arranjo físico inadequado, movimentos acima dos ombros, agachamento nos containers, excesso de movimentos técnicos por segundo, peso de até 33kg nas caixas)
m) risco de cortes com facas e decepamento com as serras

Leia mais

13/7/2015 - Cerest entrega relatório de análises sobre saúde do trabalho no frigorígico Marfrig, de Bagé
6/7/2015 - Relatório do Cerest aponta risco grave à saúde dos empregados do frigorífico Silva, em Santa Maria
24/6/2015 - MPT inspeciona frigorífico Alibem, em Santo Ângelo
15/5/2015 - Marfrig, em Bagé, interditado por risco aos trabalhadores
8/5/2015 - Autos de infração entregues ao Frigorífico Silva
1/4/2015 - Frigorífico Silva, de Santa Maria, se corrige e MTE levanta interdição
20/3/2015 - Risco aos trabalhadores interdita Frigorífico Silva, em Santa Maria
23/2/2015 - JBS Aves (Passo Fundo) recebe mais 20 autos de infração
2/2/2015 - JBS (Passo Fundo) recebe duas notificações e 56 autos de infração
19/1/2015 - Frigorífico Minuano (Lajeado) poderá ser interditado em 72 horas
20/1/2015 - Fundacentro entrega relatório sobre visita técnica na JBS em Passo Fundo
9/12/2014 - Frigorífico JBS em Passo Fundo tem mais setores interditados
18/12/2014 - Interditado frigorífico JBS em Passo Fundo
2/10/2014 - Agrosul firma acordo para adequar ambiente de trabalho
18/9/2014 - Força tarefa interdita parte de frigorífico em Nova Araçá
4/9/2014 - Levantada parcialmente interdição do frigorífico Languiru, em Westfália
28/8/2014 - Interditadas máquinas do frigorífico Languiru, em Westfália
22/8/2014 - MPT em Novo Hamburgo propõe novo TAC em audiência com Agrosul
12/8/2014 - JBS firma acordo para adequar ambiente de trabalho
1/8/2014 - Frigorífico Frinal/JBS em Garibaldi firma acordo de adequação
18/7/2014 - Acordo inédito reduzirá ritmo de trabalho no frigorífico BRF em Marau
17/6/2014 - Frigorífico Agrosul, de São Sebastião do Caí, tem desinterdição parcial
13/6/2014 - MPT constrói acordo para adequações com frigoríficos BRF (Lajeado) e JBS (Montenegro)
12/6/2014 - Interditados processos do frigorífico Agrosul, de São Sebastião do Caí
28/5/2014 - Interdições reduzem ritmo de trabalho em frigoríficos
29/4/2014 - Trabalhadores da BRF de Lajeado denunciam excessivo ritmo de trabalho e descumprimento de pausas
25/4/2014 - Interditados processos do frigorífico BRF em Lajeado
21/2/2014 - MPT apresenta resultado de questionário aplicado em trabalhadores da JBS Aves de Montenegro
20/2/2014 - Força-tarefa interdita setores da JBS Aves em Montenegro
22/1/2014 - Força-tarefa interdita setores de frigorífico em Passo Fundo

Texto e fotos: Luis Nakajo (analista de Comunicação) enviado especial
Fixo Oi (51) 3284-3092 | Móvel Claro (51) 9124-3415
Supervisão: Flávio Wornicov Portela (reg. prof. MTE/RS 6132)
Fixo Oi (51) 3284-3066 | Móvel Claro com WhatsApp (51) 9977-4286
prt4.ascom@mpt.mp.br | facebook.com/MPTnoRS | twitter.com/mpt_rs

Tags: Julho

Imprimir